Publicado por: Luise Lüdke | 4 novembro, 2008

Como conjugar o Verbo?

Quanto a você, continue firme nas verdades que aprendeu e em que creu de todo o coração. Você sabe quem foram os seus mestres na fé cristã. E, desde menino, você conhece as Escrituras Sagradas, as quais lhe podem dar a sabedoria que leva à salvação, por meio da fé em Cristo Jesus. Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. E isso para que o servo de Deus esteja completamente preparado e pronto para fazer todo tipo de boas ações.

2º Timóteo 3.14-17

É tempo de conjugar o Verbo, é tempo de mudança, de dedicação a leitura da Palavra de Deus! Esta é a proposta do ConjugaJELB, afinal, queremos que nossos jovens, assim como Timóteo, continuem firmes na verdade que aprenderam, que gera a fé e leva a salvação. Mas queremos também que essa salvação atinja outras pessoas, outros jovens, não queremos que ela fique nas mãos de poucos.

E nesse ponto você se pergunta: poxa, mas eu não sei falar direito, sou tímido, tenho medo de não falar a coisa certa na hora certa… E aqui nós temos uma proposta: estudar a Escritura Sagrada, inspirada por Deus, que nos ensina a maneira certa de viver e nos prepara para todo tipo de boas ações.

São inúmeros os benefícios de se estudar a palavra de Deus, desde conhecermos a Bíblia e aprendermos a manuseá-la, até nossos corações ficarem cheios do Espírito de Deus que nos dá segurança e confiança para anunciarmos as Boas Novas.

Como administrar o tempo? Quanto tempo dedicar a leitura e ao estudo da palavra de Deus? Como estudar a Bíblia? Existe algum método? Como otimizar esse estudo? Essas foram algumas perguntas que me fiz há um tempo e encontrei algumas respostas que podem ajudar também você nesse propósito!

No livro “12 maneiras de estudar a Bíblia sozinho”, Rick Warren reflete sobre a importância do estudo da Bíblia na vida de um cristão e sugere 12 métodos diferentes de se cumprir com esse objetivo. Assim, o autor promove uma reflexão sobre a diferença entre “ler” e “estudar”. A leitura é importante para se conhecer e aprender a manusear a Bíblia, assim, quando você estiver conversando com alguém sobre Pentecostes poderá dizer que este acontecimento está narrado no livro de Atos. Porém, estudar a Bíblia é algo muito mais profundo e exige uma maior dedicação.

Segundo Warren, os cristãos não estudam a Bíblia por três principais motivos: não sabem como, não são motivadas e por terem preguiça, afinal, não queremos nos esforçar muito, queremos as coisas prontas em nossas mãos, assistir a novela ou o futebol é mais fácil… Nas primeiras tentativas com certeza será difícil, mas quando se começa a colher os frutos dessa dedicação ao estudo das Escrituras, as bênçãos serão sem fim e a alegria infindável!

Então, você aceita o convite para estudarmos juntos a Bíblia?! Vamos conjugar o Verbo em nossas vidas e na vida do nosso próximo?! Vai ser muito bom ter você conosco!

Esta semana vamos falar dos princípios do estudo dinâmico da Bíblia, apresentados por Warren. São cinco os princípios que precisamos ter sempre em mente ao estudarmos as Escrituras, independente do método a ser utilizado. Antes de estudar, é sempre bom rever estes princípios:

PRINCÍPIOS

Fazer o tipo certo de perguntas

Quanto mais perguntas fizer, mais você extrairá do texto ao respondê-las. Tente escrever o maior numero de perguntas e duvidas sobre o texto estudado.

Anotar as observações e descobertas

Escrever os pensamentos sobre o texto estudado ajudará na fixação do mesmo, exigirá que você reflita com mais profundidade e elabore as respostas.

Aplicar e não só interpretar

Ao aplicar a Palavra em nossas vidas seremos impulsionados a praticá-la, a torná-la uma ação real, é a oportunidade de tornar a Bíblia viva em nós. Em que sentido esse texto se aplica a minha vida? Que atitude preciso mudar?

Estudo Sistemático

Dedicar de fato um tempo para o estudo da palavra de Deus. Não devemos tratar a Bíblia como se fosse um romance qualquer que lemos nas férias. Deve ser um estudo sério.

Nunca se esgota a riqueza de uma passagem

Por mais que você estude um texto Bíblico, sua riqueza e seus ensinamentos jamais acabarão. Sempre haverá algo novo a ser descoberto. A cada leitura da mesma passagem você identificará novos elementos, até porque você muda, suas experiências mudam, sua forma de ver as coisas muda, e Deus sempre tem algo a te dizer! Por isso não devemos desistir nunca de ler a Bíblia.

Mas, como devemos nos preparar para o estudo? Essa preparação pode ser resumida em quatro passos que irão melhorar nosso desempenho:

PASSOS

Fixar um horário de estudo

A freqüência do estudo da Bíblia dependerá de você (quantas vezes e por quantas horas). É importante lembrar que se deve tirar um tempo para a chamada hora silenciosa em que se lê a passagem, medita e ora sobre ela. Geralmente entre 10 e 30 min. Esse momento objetiva a comunhão com Jesus, o desligar do mundo. Depois se parte para o estudo propriamente dito. Sugere-se que se tenha um menor numero de estudos, mas que sejam mais profundos (maior tempo), do que vários estudos superficiais (menor tempo).

Manter um caderno

Utilizar um caderno, ou o computador para ir anotando as observações. Cada método sugerido por Warren tem um formulário próprio. Nas próximas semanas discutiremos alguns métodos.

Adquirir as ferramentas certas

Bíblia de estudo, Bíblias em outras traduções, dicionário Bíblico, dentre outros. Essas ferramentas podem auxiliar na resposta as perguntas feitas.

Fazer uma oração antes de cada estudo

Segundo Warren, a vantagem de se estudar a Bíblia é que temos contato direto com o Autor, podemos pedir que Ele nos oriente no estudo para melhor entendimento e discernimento.

Estas são algumas reflexões iniciais sobre como estudar a Bíblia. Ao longo das próximas semanas apresentaremos sobre os 12 métodos indicados pelo autor para que você possa ir testando e se identificando com algum que seja mais a sua cara.

O importante mesmo é fazer do Estudo Bíblico uma prioridade, afinal, é na Bíblia que encontramos a vontade de Deus para as nossas vidas. Quem se afasta da Bíblia se afasta da vontade dEle e corre o risco de se desviar do caminho.

Então “abre os meus olhos para que eu veja as maravilhas da tua lei” Salmos 119.18. Abrindo nossos olhos para as maravilhas de Deus estaremos preparados para fazer boas ações, anunciar o Evangelho e para conjugar o Verbo!


Responses

  1. Oi Luise,

    Muito legal a sua reflexão. Os textos do Conjuga estão me deixando com “água na boca” e vontade de quero mais.
    Recentemente alterei a minha forma de estudo bíblico, reduzindo a quantidade e tentando aumentar a qualidade. Gostei das dicas que colocou, vou tentar colocar algumas em prática e, com isto, melhorar a minha conjugação.

    Parabéns para você e pro Miguel pela iniciativa.

    Abraços em Cristo,

  2. Oi Lu e Miguelito

    Sei que este projeto Deus já tinha semeado a muito tempo em vossos corações e hoje podemos ver os fruto da semente.Sei também que aqui em Palmas teremos muitos outros frutos ao colocar este projeto em prática com os jovens da nossa congregação.
    As dificuldades e tentações vão aparecer, pois o inimigo está ao nosso redor espereando uma única oportunidade para nos fazer cair.
    Mas o Senhor está a nossa frente e não deixrá nossos pés vacilarem.
    Que Deus nos abençoe, e assim como Jossué estou aciando pelas próximas reflexões.
    Que sentimos delicioso é termos sede e fome de Deus!!! Ele é nossa fonte inesgotável!!!

  3. Super bacana… Quero pedir a todos que leiam e coloquem em prática o que está nesta coluna para depois sim ler a coluna InterpretaJELB, hehehe. O que falta em muitos jovens que querem escrever teatro é o conhecimento da Palavra de Deus.
    Ótimas sugestões para fazer disso um hábito!
    Até mais,
    Daniela.

  4. Essa é com certeza uma grande iniciativa…
    … parabéns, mais uma vez, Josué, Miguel e Luise.

    Acho que temos todos muito a aprender e compartilhar em termos de estudo e crescimento na Palavra.

    Vou aproveitar para colocar um pouco da minha experiência.

    Eu sempre fui um chato. E com chato eu quer dizer que sempre fui um chato, como todos vocês conhecem e imaginam, e também um questionador. Acho que questionar é a base de qualquer estudo e aprendizado.

    Quando fala “questionar”, estou concordando com o primeiro princípio exposto pela Luise, mas eu traduziria o principio todo em uma palavra:

    – curiosidade.

    Eu sou um chato porque sou curioso e gosto de saber. Ser curioso, para o cristão, nesse sentido, me parece fundamental…

    … é fundamental para fazer as perguntas certas e mesmo as erradas; fundamental para buscar as respostas; para ter vontade de sentar com paciência até encontrar as respostas; e será fundamental, na minha opinião, para o testemunho e para a missão.

    Essa última parte significa o seguinte: eu penso que um bom testemunho contextualiza a Palavra para as pessoas; e não é possível contextualizar a Palavra sem conhecer a realidade das pessoas, e conhecer essa realidade exige curiosidade e certo tempo.

    Claro, não precisamos nos prender a isso como uma regra para o “bom testemunho”. Eu não me prendo. Mas eu procuro conhecer bem as pessoas para as quais quero apresentar Jesus.

    Conselho de amigo-que-é-de-graça-não-dói-e-acha-que-pode-ajudar: SEJA CHATOS!

    Se serve de consolo, ninguém será mais chato do que eu. Contentem-se com o segundo lugar. rs

    .abraços.
    .em Jesus.
    .Rahel.

  5. Rahel, se isso é ser chato, então sejamos chatos! hehehe
    Concordo com você! A curiosidade se faz necessária! Sem ela jamais nos questionaríamos sobre nada!
    Agora, como jovens cristãos devemos sempre pedir que Deus nos encha do seu Santo Espírito e nos faça curiosos, para que possamos fazer as perguntas certas!
    Em relação às pessoas a nossa volta, devemos sim conhecê-las, saber da realidade delas para daí escolher a melhor forma de nos aproximarmos e falarmos do amor de Deus! Fazendo assim, as pessoas irão se sentir valorizadas, e principalmente, amadas por nós!
    Que Deus nos ajude nesse propósito!

  6. Josué, Agnes e Dani! Obrigada pelo incentivo e esperamos realmente que Deus abençoe estas reflexões e que elas atinjam mais e mais pessoas! Aguardem que aí vem mais!!!

  7. Eu também, eu também, eu também quero ser chata.

    Confesso que sou preguiçosa. Tenho muita vontade de estudar a fundo a Bíblia, mas isso nem sempre se realiza. Preguiça! (às vezes me revolto com minha preguiça) Não é só em ler a Bíblia, tenho preguiça para fazer muitas coisas. Mas isso não vem ao caso agora… (hehehe)

    Textos como esse alimentam minha vontade de ler e estudar a Palavra de Deus. E é isso que vou fazer. Como o Rahel disse, se quero testemunhar, tenho que saber, entender o que vou falar. Tenho que estar preparada para isso. Até mesmo para fortalecer minha fé.

    Vou estudar. Vou ficar craque nisso… hehehehe

    Vou deixar minha preguiça atrás da porta e começar a estudar.

  8. OI Natacha,

    Eu quis dizer que acho a curiosidade fundamental até mesmo para o testemunho, no sentido de querer conhecer novas pessoas ao ponto de esperar e encontrar o momento certo para falar.

    Mas não acho que a gente deve se prender muito à grandes estudos e métodos para testemunhar ou evangelizar. Aliás… pelo contrário:

    – precisamos começar o quanto antes a abordar pessoas e falar com elas. Sem medo! Sem preconceitos! E é errando que se aprende!

    Mas precisa começar para aprender!

    .abraços.
    .el.

  9. Bah,e pensar que as vezes perdemos tanto tempo vegetando,assistindo novela,vegetando de novo..😀
    Realmente, a Palavra de Deus nos diz muitas coisas com apenas algumas palavras.E é tao bom saber que quando precisarmos,lá estará Deus,de braços abertos pronto para ajudar.
    Respostas,consolo,ajuda,exemplos…quantas coisas boas podemos encontrar na Bíblia. Por isso que nós devemos também falar disso para outras pessoas. Se é uma coisa tão boa,que nos faz tão bem,entao vamos compartilhar!

    Parabéns pela COLUNA (aaai que lindo! hehe). Vcs dois,Luise e Miguel, sabem o quanto eu os admiro e o quanto eu me espelho em voces!
    Fiquem com Deus!

  10. É isso mesmo Leti! Na Bíblia só encontramos coisas boas… e é por meio dela que conseguiremos refletir o amor de Deus de forma menos distorcida, por causa do nosso pecado, por que é na Bíblia que encontramos o caminho certo! Vamos nos incentir no estudo da Bíblia, talvez possamos criar um momento na juventude só pra comentar o que cada um está lendo, a passagem que mais chamou a atenção… assim vamos nos apoiando uns nos outros!

  11. incentivar…hehehe…errei


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: