Publicado por: Josué | 27 novembro, 2008

O perfil do jovem luterano (parte 2)

 

Neste segundo post sobre os o “Perfil do jovem luterano e sua relação com a JELB” vou colocar os dados em relação ao perfil, sendo que no próximo pretendo colocar sobre a segunda etapa da pesquisa, que é a relação do jovem com a JELB.

De acordo com a pesquisa 52% dos jovens são do sexo feminino e 48% masculino.  A grande maioria dos jovens têm entre 15 e 23 anos, conforme demonstra o Gráfico 1 – Faixa etária.

Gráfico 1 - Faixa etária

Em relação ao estado civil 92% encontram-se solteiros, 7% casados e 1% informou que é separado/divorciado. Hoje ao rever estes números me chamou a atenção que dos 32 jovens que se casaram 12,5% (4 jovens) já se separaram.

O nível de escolaridade é elevado, conforme demonstra o Gráfico 2 – Escolaridade.

 Gráfico 2 - Escolaridade

Após responderam a escolaridade, foi solicitado para os que estavam cursando o nível superior ou pós-graduação qual a sua área de especialização, tendo uma grande concentração na área de Ciências Humanas, conforme apresenta o Gráfico 3 – Área de estudo (ensino superior).

 Gráfico 3 - Área de estudo (ensino superior)

Ainda no quesito escolaridade, quando solicitado qual o nível de formação almejado a maioria informou que pretende ter uma pós-graduação, conforme informa o Gráfico 4 – Formação almejada.

Gráfico 4 - Formação almejada Os entrevistados também informaram quais as atividades que desenvolvem, que demonstra que a maioria (72%) está estudando e praticamente metade (47%) possuem um trabalho remunerado. Merece destaque também o número de jovens que praticam atividades esportivas (42%) e musicais (33%). Outras atividades desenvolvidas são apresentadas no Gráfico 5.

Gráfico 5 - Atividades desenvolvidas

Apesar de apenas 47% informarem que têm um trabalho remunerado 57% dos jovens informaram que possuem renda própria. A renda média dos que possuem renda própria é de R$ 852,53 (2,4 salários mínimos), enquanto que dos que não possuem renda própria é de R$ 220,95 (0,6 salário mínimo).

Para encerar este primeiro post segue o Gráfico 6, que apresenta os hábitos sociais dos jovens luteranos em relação a participação em festas/barzinhos, consumo de bebida alcoólica e cigarro.

Gráfico 6 - Hábitos sociais

O que acharam destes primeiros dados?

Algum dado lhe surpreendeu?

Abraços em Cristo.

P.S.: Lembrando que a pesquisa foi realizada em setembro e outubro de 2006 e os dados técnicos dela foram explicados no primeiro post: O perfil do jovem luterano e sua relação com a JELB.

Responses

  1. Essa pesquisa foi muito legal de ver os resultados!

    Pouca coisa me surpreendeu… na verdade, mais coisas se confirmaram do que realmente me surpreenderam.

    O que se confirmou para mim está relacionado com a escolaridade alta na JELB. Nisto me surpreendeu um pouco as ciências humanas e sociais bem fortes.

    Também se confirmaram meus preconceitos quanto aos comportamentos relacionados com bebidas, festas e cigarro. E acredito que se confirmaria o que tenho dito em relação ao comportamento sexual cada vez mais ativo. É uma pena que essa pequisa não buscou esse dado.

    Uma curiosidade minha era saber se os 27% que assumem consumir álcool regular e frequentemente estão totalmente inseridos entre os 43% que afirmam freqüentar bares e festas regular e frequentemente. Meus preconceitos dizem que sim…

    … e aí entra uma outra questão que é saber o que significa raramente, regularmente e frequentemente, e com que idades estão relacionados esses dados. Assim saberíamos se temos alguns problemas em potencial nessa área que poderiam ou deveriam ser melhor abordados mesmo em reflexões e ações de nível nacional… ou não.

    .abraços.

  2. Minha sugestão é que a pesquisa seja feita novamente, fazendo as adequações que fossem necessárias. A questão da sexualidade acredito ser importante pesquisar porque cada vez mais somos bombardeados pela mídia e pela sociedade em geral que parece não admitir que as pessoas não tenham vida sexual enquanto solteiros e muitos jovens, além de sofrerem com as forças de sua própria carne, têm que lutar contra a sociedade.
    Bom, era isso, gostei muito da pesquisa, apesar de não tê-la visto antes, heheehe!!!!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: