Publicado por: Josué | 26 outubro, 2008

MOÇÃO 20 – Moção referente ao artigo 19, i do Regimento Interno

MOÇÃO 20

 

Moção referente ao artigo 19, i do Regimento Interno

 

Considerando:

 

1. Que a prática dos últimos conselhos gerais não corresponde ao determinado no Regimento Interno, no que diz respeito tanto à periodicidade quanto ao oferecimento de assinaturas e venda de espaço para patrocínio do Jornal da JELB;

 

2. Que o Jornal da JELB tem dado bons resultados na prática usada desde 2005, encartado no Mensageiro Luterano bimestralmente;

 

3. Que outros modelos podem ser desenvolvidos tanto pelo CG JELB quanto por proposta da Comissão de Imprensa.

 

Propomos:

 

1. A alteração do texto da alínea “i” do artigo 19, a fim de flexibilizar a definição da forma como o Jornal da JELB vai ser produzido e disponibilizado, além de adequar o texto regimental ao que vem sendo feito com êxito; ficando a redação da seguinte forma:

 

“Art 19 – São deveres do Conselho Geral:

(…)

i) Editar bimestralmente o Jornal da JELB, de caráter formativo e informativo, dentro dos parâmetros definidos no Congresso Nacional, sendo que o CG da JELB terá a liberdade de modificar tais parâmetros, seguindo critérios de melhor resultado e oportunidade, desde que não implique em aumento de custos para o caixa da JELB; o CG JELB poderá disponibilizar assinaturas individuais e buscar patrocínio para a confecção do Jornal, se assim couber.”

 

Brasília, 27 de agosto de 2008.

CG JELB 2007/2008


Responses

  1. Com certeza a flexibilização do artigo é necessária.
    Eu apenas desconfio um pouco de duas coisas:

    – ações que tiram ou diminuem o poder do plenário, ou seja, que não é o caso dessa proposta, a não pelo fato de que não fica claro no artigo que é o plenário que DEVE votar o custo estimado ou a verba estimada para o Jornal da JELB. Isso implica em ter uma previsão, e ter previsão implica em planejamento, e planejamento implica em dar mais poder de decisão sobre o custo para o Congresso. Esse é o sentido da ressalva de que o CG ou a Comissão de Imprensa deve buscar patrocínio e assinaturas: para o caso do Plenário não aprovar o total dos custos daquilo que o CG ou a comissão propôs;

    – eu questiono com que base se pode dizer que o Jornal da JELB tem êxito. Não podemos no enganar: foi feita alguma pesquisa científica que atestou que X% da JELB lê o jornal? Seria bem interessante ter esse tipo de dado. Não estou dizendo que o jornal não é uma midia que me parece importante, pois parece ser sim. Mas é preciso ter dados concretos para se afirmar que a prática atual tem êxito.

    Fora isso, acho que o CG e o povo da JELB está de parabéns pela produção de moções nesta gestão.

    .abraços.
    .el.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: